Briga de bar levou a assassinato de jovem no Itamaracá durante madrugada

O corpo na calçada / Foto Marcelo Leite

Pedro Paulo de de 23 anos foi assassinado na madrugada desta sexta-feira (23), com dois tiros, no Jardim Itamaracá, em Campo Grande, devido a uma briga por causa de uma mulher dias antes em um bar na região. O autor foi preso duas horas depois por equipes do Batalhão de Choque.

O autor foi identificado como Maisson Vinicius. Ele estava na companhia de outro jovem que o ajudou a esconder o revólver usado para cometer o crime. A arma já tinha sido usada em um homicídio, em 2015, em um acerto de contas. Maisson cumpriu pena.

Pedro Paulo foi morto com dois tiros, sendo que um atingiu a cabeça e o outro a axila. Maisson confessou durante sua prisão que dias antes teria discutido com Pedro e os dois teriam trocado ameaças de morte. O autor ainda contou que ficou sabendo que a vítima tinha mexido com a mulher de um amigo, e nesta madrugada de sexta (23) sabendo onde ele estava foi até o local e cometeu o crime.

Quatro disparos foram ouvidos por moradores que acionaram a polícia. Antes de morrer, Pedro contou aos militares a possível causa do crime, mas não disse o nome do autor.

Crime 2015

Em 2015, Maisson Vinicius teria se envolvido em um homicídio, no Jardim Itamaracá, em um acerto de contas contra Elton Troche de Mendonça, de 24 anos. A época, Maisson tinha 16 anos. O homicídio aconteceu depois de uma confusão da venda de uma motocicleta a Elton, que comandava uma boca de fumo na região.

Elton teria ameaçdo o grupo de Maisson de morte quando ele foi assassinado a tiros e seu corpo encontrado no dia seguinte pelos pais. A arma usada nunca foi encontrada. Midiamax

 

Compartilhe:
Posted in Noticias and tagged .

Deixe uma resposta