Homem que mantinha gestante em cárcere privado é preso pela Polícia Civil

Homem que mantinha gestante em cárcere privado é preso pela Polícia Civil

Investigadores do Grupo de Operações e Investigações (GOI) da Polícia Civil, prenderam em flagrante na tarde de sábado (13), T. A. C. R., 22 anos, que mantinha em cárcere privado a ex-companheira de 18 anos, que está grávida de 7 meses.

Os policiais chegaram até o acusado após a mãe da vítima procurar a Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher (DEAM) de Campo Grande, e denunciar que no dia anterior o acusado foi até a casa onde a gestante reside com a família, a agrediu e com uma faca obrigou a acompanha-lo.

A mulher que era mantida como refém pelo acusado em uma casa na Rua Prudêncio Tomaz, no bairro Zé Pereira, foi resgatada pelos policiais do GOI por volta de 14h30 de sábado, sendo de imediato encaminhada para a DEAM, na Casa da Mulher Brasileira.

A motivação para o crime seria a insatisfação do acusado com a gravidez, já que teria relatado tanto para a vítima como para a família dela que não queria ter filhos.

O casal estava junto há dois anos e em janeiro deste ano a mulher denunciou o acusado por agressão. Na ocasião a Polícia Civil representou por medidas protetivas que foram deferidas pela Justiça. Segundo informações da mãe, mesmo com as medidas protetivas o acusado se reaproximou da vítima e reatou o relacionamento.

O homem foi preso e autuado em flagrante por violência doméstica, sendo em seguida encaminhado ao sistema prisional.

Polícia Civil

Compartilhe:
Posted in Noticias and tagged , .

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *