Quadrilha armada mantém mãe e filha reféns durante assalto

Bandidos armados invadiram, na tarde de quinta-feira (15), uma casa e mantiveram mãe e filha reféns durante o assalto, na Vila Progresso, região sul da Capital. Segundo a polícia, pelas características o bando era inteiro formado por adolescentes.

O registro da ocorrência feito na Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário (Depac) da Vila Piratininga aponta que o crime aconteceu por volta das 14h. As vítimas estavam na sala quando foram surpreendidas por dois autores.

No relato, as vítimas contaram que o bandido que portava o revólver usado pela quadrilha, bastante agressivo, as mantiveram trancadas dentro de um dos quartos da casa, enquanto o outro recolhia os bens que interessavam à quadrilha.

A ação pode ter durado cerca de 30 minutos. Sinais de arrombado no carro da família indicam que o bando tentou fugir utilizando o veículo. Como não conseguiram, a polícia acredita na participação de mais comparsas, que ajudaram na fuga.

Vizinhos que começaram a escutar os gritos das vítimas, deixadas trancadas, foram quem as libertaram e comunicaram a polícia. Imagens de câmeras de segurança da própria residência e também dos arredores foram cedidas aos investigadores. Ninguém foi identificado até a publicação desta reportagem. Correio do Estado

Compartilhe:
Posted in Noticias and tagged .

Deixe uma resposta