Mulher é recebida a socos pelo marido após participar de ‘festa da firma’

Uma mulher de 37 anos teve diversos ferimentos depois de ser agredida pelo marido no momento em que voltava de uma confraternização da empresa onde trabalha. Além de acertá-la com socos e chutes, o homem bateu na cabeça da vítima com um cabo de vassoura. O caso aconteceu na noite desta segunda-feira (18), em um condomínio residencial de Três Lagoas.

De acordo com informações do Boletim de Ocorrência, por volta das 21h50 a mulher chegou em casa e foi recebida pelo marido que a acusou de estar bêbado e pilotando uma moto com uma criança na garupa. Antes que pudesse dizer algo, a vítima foi surpreendida com um tapa no rosto que a derrubou no chão.

Com a mulher caída, o marido passou a chutar as pernas da esposa, o que provocou lesões, inchaços e hematomas. Para se defender, a mulher pegou uma vassoura e acertou o autor no braço, no entanto, o homem tomou o cabo e a agrediu na cabeça, provocando um corte no couro cabeludo.

Com medo e ensanguentada, a mulher procurou ajuda na casa do irmão, que acionou equipe da Polícia Militar. Ela teve um corte no couro cabeludo, cortes na coxa direita, lesão nas costas e na mão.

À polícia, a vítima contou que está com o agressor há 10 anos e que esta não é a primeira vez em que foi agredida.

O caso foi registrado na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) do município como lesão corporal e violência doméstica e a polícia investiga.

Violência doméstica

A violência contra a mulher é crime e pode ser denunciada através do ‘Ligue 180’. Em dezembro de 2015, um levantamento feito pela Central de Atendimento à Mulher apontou que, das mais de 4 milhões de vítimas que fizeram denúncias, Campo Grande foi a Capital em que houve maior taxa de relatos de violência (227,53 relatos por 100 mil mulheres).  Midiamax

Compartilhe:
Posted in Noticias and tagged .

Deixe uma resposta