Mulher correu, mas foi morta pelo marido com 24 facadas na frente do filho

Bombeiros foram acionados, mas não houve tempo para socorrer mulher. Imagem: O Correio News

Mais um crime brutal registrado na cidade de Chapadão do Sul, a 335 quilômetros de Campo Grande, que aumenta o número de feminicídios em Mato Grosso do Sul. Mas não apenas um número, Aldennir Soares da Silva, 35 anos, era mãe, dona de casa, filha, mulher, mais uma vítima da violência doméstica.

Aldennir foi assassinada com 24 facadas na frente do filho de 15 anos. Conforme o delegado Felipe Potter, ela tentou correr, mas o marido a alcançou e desferiu as facadas. Até a mãe da vítima tentou ajudar, mas também foi esfaqueada pelo suspeito.

Conforme a 4ª Companhia Independente de Polícia Militar, o homem fugiu entrando em um canal de vazão de água a céu aberto, depois acessou uma área de plantio de milho. As buscas não cessaram desde então, sendo realizadas por investigadores da Polícia Civil e a equipe da PM. Midiamax

Compartilhe:
Posted in Noticias and tagged .